“Porquê Coimbra?” – Marina Buzin

“Estar aqui é mergulhar em clichês, levar pessoas para a vida, chorar de saudades do que ainda não acabou, é amar odiar, é odiar amar, é traçar a capa e sentir que somos tão diferentes e mesmo assim sentimos o mesmo por esta cidade.”
E desta vez foi a Marina Buzin que decidiu contar-nos como Coimbra a surpreendeu. Obrigada Marina!

Também gostavas de ver o teu texto publicado? Então responde à questão “Porquê Coimbra?” e envia-o para o mail tradicaoacademica@negaac.info